terça-feira, 9 de agosto de 2011

Downloads ilegais: 200 mil são processados nos EUA


Não é só mais a indústria fonográfica. Mas porque as lições de uma campanha falida da RIAA (Associação da Indústria Fonográfica Americana) ao longo dos anos não estão dando resultado? De acordo com um detalhado estudo do site Torrentfreak publicado hoje, 8 de Agosto, a indústria do cinema tomou medidas legais contra mais de 200,000 usuários do programa BitTorrent só no ano de 2010.

Mais especificamente, o número é de 201.238 só nos EUA. Quase todos os réus são acusados de compartilhar arquivos que infringem o direito de cópia através do BitTorrent, e 1.237 supostamente teriam usado a rede D2K, afirma o relatório.
E a maioria dos réus está associada com o filme ‘Guerra ao Terror’. Só no mês de maio, quase 25 mil notificações foram enviadas a pessoas suspeitas de compartilharem o filme – um alvo específico dos estúdios - de maneira ilegal.
A questão que fica é se essa estratégia dará certo, para ‘Guerra ao Terror’ ou qualquer filme de Hollywood. Na indústria musical, um número significativo de proprietários de direitos autorais acredita que a pirataria é o bicho-papão. E dentre eles está a «gravadora/detentora de direitos de publicação musical» Big Machine Records, que patrocinou uma campanha agressiva desse naipe em torno do lançamento de ‘Speak Now’ de Taylor Swift.

Por - @Lucca_Heavy
Nota - É Errado mas todos fazem e agora? vamo superlotar as prisões? não.

Marcadores:

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial